25 de novembro de 2008

UM TANTO DECEPCIONADA..

Cada um de nós, com certeza, em algum momento de nossas vidas já nos decepcionamos com alguém. Esse alguém pode ser uma amiga, um parente, o namorado, o chefe, ou qualquer outra pessoa.
A chateação pode circular entre uma besteirinha qualquer ou um baita escândalo, uma rasteira que você levou, ou um leve empurrãozinho que causou um tremendo estrago.
Tem decepções que passam, a gente esquece e tudo volta ao normal, mas tem decepções que demoram a ser resolvidas, essas deixam aquele gosto de frustração e aquela sensação de que NUNCA conseguiremos esquecer.
Essas abrem uma ferida no peito difícil de cicatrizar, ela dói e você talvez, por um momento não reconheça essa pessoa que já esteve por tantos momentos no seu lado.
Frases como: "eu não esperava isso de você" ou "eu não te conheço mais" são as mais usadas nesse momento.
E porque será que isso acontece, meu Deus?
Para conhecermos melhor quem é tal pessoa?
Para nos "livrarmos de uma roubada"?
Para aprendermos com a vida?

Ou para descobrirmos que uma importante peça da nossa história se retirou, e sentir que precisamos dessa peça (pessoa) pra continuar seguindo em frente? Que ela é importante e que talvez uma bobagem qualquer não devesse ter atenção suficiente pois o que vale mesmo é a amizade.

... As vezes não é nada disso ...As vezes o erro pode estar em você mesmo, em suas crenças, em seu costume de achar que você é sempre a vítima do mundo, ou até mesmo daquele seu orgulho que te impõe limites quando na verdade você sabe qual é a coisa certa a fazer.
Por isso, é importante esta atento as nossas palavras, as vezes um olhar é o suficiente para entregar o que você sente, e esse mesmo sentimento pode não ser o que o alguém tão querido quer conhecer.

A vida é cheia dessas, o recado de hoje é para quem já passou por essa situação, de se magoar e magoar, mas sem saber certamente o que causou esse sentimento.
Vamos viver e tentar aprender com nossos erros, essa é a melhor solução.



Postar um comentário