31 de janeiro de 2014

Te amo todos os dias, Nickolas



Todos os dias eu comemoro a sua vida!

Hoje, tudo que remete a felicidade e alegria me faz pensar em você.

Admiro e amo cada parte sua, seu olhar meigo, sua cabeleira pretinha e charmosa, os gritinhos de mamã que você dá, seus primeiros passos que vão se firmando a cada dia, seu engatinhar pela casa em alta velocidade quando nota minha aproximação, os bracinhos esticados para o abraço quando vou te buscar na “faculdade”, sua braveza, seus traços de personalidade e até suas reclamações quando demoramos a entregar o seu amado tetê.

Só eu sei o quanto sinto saudade quando não estou contigo e  como anseio por te encontrar logo, te agarrar, te apertar, te dar beijinhos e te chamar de meu príncipe, meu cabeludinho da mamãe.

Há 1 ano atrás, 31 de Janeiro de 2013,  meu mundo mudaria completamente.

Te peguei no colo pela primeira vez, explodi de amor e dalí em diante, ahhhh, daquele dia em diante foram tantas coisas:

Choros, fraldas, cólicas, sono, novidades, gorfadas, “quaquás”, fome, medo, dúvidas, vontades, palpites, instinto, coração, erros, acertos, certezas, sentimentos, AMOR e mais um turbilhão de coisas que você me trouxe.

E com elas eu só aprendi.

Aprendi que eu sou menos fraca do que pensei, mais forte do que um dia pude imaginar.

Aprendi que por todo o sempre vai ser impossível uma mãe explicar a proporção do amor que ela sente por seu filho.

Sem você minha vida até poderia estar sob controle, eu  certamente obedeceria horários,  manteria a casa mais  organizada, a conta bancária (talvez) mais recheada, meu tempo mais livre, meus cabelos mais bem cuidados, meu corpo mais torneado, minhas unhas impecáveis, meu rosto sem olheiras, talvez eu não sofresse tanta pressão das pessoas, conseguisse dormir uma noite inteira, não tivesse tantas responsabilidades e tampouco sentisse tantos medos... Mas também eu não teria o sorriso mais lindo e banguelo do mundo, o abraço mais acalentador, não ouviria seu resmungado fofo, não sentiria o cheiro de pescoço mais marcante que existe, meu coração certamente estaria com um espaço vazio, minhas noites não teriam tanta emoção, eu não saberia o significado da palavra SUBLIME, não conheceria o verdadeiro amor incondicional e não conversaria com tanta empolgação com DEUS, como venho fazendo com frequência. Nickolas, você foi meu presente eterno, é meu laço mais puro e forte.
Por isso, todos os dias eu comemoro pela sua vida, todos os dias eu peço para DEUS te proteger, e a cada mês foi delicioso brindar a sua chegada, meu amorzinho.

Que DEUS te abençoe e que em cada dia de sua vida continue espalhando essa doçura e alegria que só você tem, filho lindo.

Parabéns pelo seu primeiro aninho, te amo infinitamenteeeee, meu bebê!



Postar um comentário